A arte de pendurar quadros

02a6e7_bd944f5a45bb495cbce9072113b8ecad

Para a decoração ficar bacana, é preciso ter arte nas paredes. Não tem jeito. E não basta sair pendurando sem critério. Altura, organização e outros quesitos devem ser observados na hora da montagem. Organizar quadros em uma parede é uma coisa pessoal. Mas existem algumas regras para não errar. Especialmente se você não tem experiência no assunto. Confira abaixo o certo e o errado, assim como outras dicas para deixar sua casa mais bonita com a instalação de obras de arte.

A forma clássica de organizar os quadros em um ambiente é a seguinte:

1. Obras de arte de maior importância devem ocupar local de destaque, de preferência uma parede vazia, se essa obra tiver um bom tamanho;
2. Quadros atrás do sofá devem ficar centralizados e com o eixo a uma altura de 1,60 m, porém a pelos menos 25 cm do topo do móvel;
3. Obras pequenas devem ser agrupadas e organizadas em uma só parede. O ideal é criar um eixo e montá-las respeitando determinado critério;
4. Sobre um aparador, deixe pelo menos 20 cm de altura entre o quadro e o móvel.

• Um bom truque para organizar vários quadros em uma parede é fazer moldes do mesmo tamanho em jornal ou papel kraft. Coloque algumas fitas no verso e espalhe pelo plano onde as obras serão instaladas. Se não gostar, tente organizar mais uma vez. Depois de escolher a melhor posição para cada moldura, comece a furar nos locais onde os quadros de verdade serão montados;

• Outra forma de organizar sua coleção de arte é sobre uma prateleira estreita na sala, que deve estar a 1 m do piso. O bacana é que você pode reordenar as peças sem fazer sujeira. E sempre há um espacinho para uma obra nova;

• Não tenha medo de misturar molduras, estilos e tamanhos. Quadros não precisam combinar entre si. Uma coleção de arte em uma sala, por mais modesta que seja, dá personalidade e charme ao lar. As obras precisam ser escolhidas pela afinidade e valor sentimental dos moradores, não exclusivamente pela função estética na decoração.

Agora, se você não quer ter todo esse trabalho, conte com a gente! Nossa equipe altamente especializada vai até você e presta toda a assessoria necessária. 

Confira o que rolou na abertura da exposição Novos Talentos Fotografia Contemporânea no Brasil

post1A mostra apresenta 50 fotografias de 10 fotógrafos emergentes no cenário artístico brasileiro:

Alexandre Mury, Arthur Scovino, Berna Reale, Gustavo Speridião, Luiza Baldan, Matheus Rocha Pitta, Paulo Nazareth, Raphael Couto, Rodrigo Braga e Yuri Firmeza.

Na exposição, encontram-se visões fotográficas de momentos políticos, natureza e a utilização do próprio corpo com experimento.

A exposição conta com o apoio da Everaldo Molduras e, é claro, que estavamos lá para conferir o que rolou e apresentar em primeira mão para vocês.

Alexandre MuryRaquel Couto caracterizam-se por suas contraposições ao mundo a partir do próprio corpo, local onde ocorrem as práticas artísticas.

post5

post4

post3

post5

A exposição esta na Caixa Cultura Rio de Janeiro até 18 de outubro e a entrada é franca.

Para os apreciadores de Arte Contemporânea a mostra é um programa imperdível.

Exposição Novos Talentos: Fotografia Contemporânea no Brasil
Entrada Franca
Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Galeria 4
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25, Centro (Metrô: Estação Carioca)
Telefone: (21) 3980-3815
Visitação: 13 de agosto a 18 de outubro de 2015 (terça-feira a domingo)
Horário: 10h às 21h
Classificação indicativa: 16 anos
Acesso para pessoas com deficiência
Patrocínio: Caixa Econômica Federal e Governo Federal

Apoio: Everaldo Molduras